Imprensa e comunidade celebram os 100 dias de Márcio Gomes na Secom

Informar bem, manter a relação institucional da prefeitura com as demais instituições e internamente, bem como gerir uma pasta complexa e cheia de atribuições. Estas são as premissas e atribuições de um secretário de comunicação para manter-se no cargo longevo e com resultados satisfatórios. Com os primeiros 100 dias completados amanhã (11), o secretário Márcio … Leia Mais



Com medo, família de Moïse pode receber concessão de outro quiosque

Prefeitura do Rio havia oferecido o quiosque Tropicália Foto: Agência Brasil Por: Agência Brasil  A família do congolês Moïse Kabagambe poderá receber a concessão de outro quiosque no Rio de Janeiro, segundo a Secretaria Municipal de Fazenda e Planejamento. O município havia oferecido inicialmente a concessão do quiosque Tropicália, onde o jovem foi espancado e morto no … Leia Mais


PREFEITURA DE ENTRE RIOS DIVULGA AS ATRAÇÕES PARA O ANIVERSÁRIO DE 150 ANOS

No próximo dia 3 de abril, Entre Rios completa 150 anos e celebrar esta importante data, a Prefeitura divulgou nesta terça-feira (29) as atrações para comemorar o aniversário de sua Emancipação Política. No sábado os shows musicais serão com as bandas e artistas locais como: partido Puro Malte, Júnior do Arrocha, Axevieber, O Glady, Micael … Leia Mais



Le Biscuit empossa novo presidente após prejuízo de R$ 100 milhões


A rede de lojas de departamentos Le Biscuit anunciou que Eduardo Loges foi eleito o novo diretor-presidente da companhia, substituindo David Lee Wright. A nota divulgada nesta sexta-feira (8), conta que Lee Right renunciou ao cargo e passará a ocupar a posição de membro do conselho de administração.

De acordo com o site Bahia Econômica, a Le Biscuit registrou em 2021 um faturamento de R$ 709 milhões, um aumento de 13% em relação a 2020. Mas, mesmo com o aumento no faturamento, a rede contabilizou um prejuízo de R$ 106,7 milhões, praticamente o dobro do prejuízo registrado em 2020, quando as lojas ficaram fechadas por um longo tempo em razão da pandemia.

Alvaro Santanna Neto, presidente do conselho de administração da Le Biscuit, acredita que a mudança na presidência representa uma evolução na rede de lojas e dá continuidade ao processo de transformação digital que a marca vem realizando nos últimos anos.

“Os acionistas depositam em Eduardo Loges plena confiança no seu trabalho e na sua capacidade de liderar nosso time, o que certamente levará nossa companhia a outro patamar de resultados nessa tão esperada retomada pós pandemia. Importante também agradecer ao David Lee, que finaliza esse ciclo após 12 anos de dedicação, com importantes entregas e que assume agora uma posição no conselho de administração visando continuar apoiando a companhia nos seus principais desafios”, disse.

Presente em 14 estados brasileiros, a Le Biscuit foi fundada há mais de 50 anos em Feira de Santana (BA) por Aristóteles Martins Santanna como um armarinho. Em Salvador, a segunda loja foi inaugurada em 1992, ainda no modelo de pequeno atacadista.


Petrobras anuncia redução no preço do gás de cozinha


Queda no preço foi de R$ 0,25 por quilo

Por Vladimir Platonow – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

A Petrobras anunciou, nesta sexta-feira (8), uma redução no preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), que é usado com gás de cozinha. A diminuição no valor foi de R$ 0,25 por quilo. Segundo a companhia, isso foi possível graças à taxa de câmbio, que tem refletido uma valorização do real frente ao dólar.

“Acompanhando a evolução dos preços internacionais e da taxa de câmbio, que se estabilizaram em patamar inferior para o GLP, e coerente com a sua política de preços, a Petrobras reduzirá seus preços de venda às distribuidoras. A partir de 9/4, o preço médio de venda de GLP da Petrobras para as distribuidoras passará de R$ 4,48 para R$ 4,23 por kg, equivalente a R$ 54,94 por 13kg, refletindo redução média de R$ 3,27 por 13 kg”, informou a estatal.

Na mesma nota, a Petrobras reiterou seu compromisso com a prática de preços competitivos e em equilíbrio com o mercado, ao mesmo tempo em que evita o repasse imediato para os preços internos, das volatilidades externas e da taxa de câmbio causadas por eventos conjunturais.

Ouça na Radioagência Nacional:

Audio Player

 

Edição: Maria Claudia



Rodrigo Amorim e Daniel Silveira posam de novo com placa quebrada de Marielle


Parlamentares haviam aparecido com o objeto quebrado nas eleições de 2018

Rodrigo Amorim e Daniel Silveira posam de novo com placa quebrada de Marielle

Foto: Reprodução

Por: Metro1

O deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ) e o deputado estadual pelo Rio de Janeiro Rodrigo Amorim (PSL) posaram novamente para uma foto com a placa da ex-vereadora do Rio de Janeiro Marielle Franco (PSOL) quebrada, na semana passada.

No fundo da imagem, também enquadrados, estão um fuzil e um retrato do senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ).

Os parlamentares haviam aparecido com o objeto quebrado nas eleições de 2018. Silveira visitou o gabinete do parlamentar estadual.

A informação foi publicada nesta terça (8) pela revista Veja.


Psol quer revogação de Reforma Trabalhista para apoiar Lula


Partido pede também revogação de Reforma da Previdência e do Teto de Gastos

Psol quer revogação de Reforma Trabalhista para apoiar Lula

Foto: Ricardo Stuckert

Por: Metro1

Pré-candidato do Psol ao governo paulista, Guilherme Boulos foi escalado  para negociar uma aliança com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para a disputa presidencial. Em troca do apoio a Lula, o Psol quer que o PT a se comprometa com a revogação do teto de gastos e das reformas trabalhistas e da previdência.

Além de Boulos, o presidente nacional do Psol, Juliano Medeiros, e a deputada federal Talíria Petrone (RJ) ficarão responsáveis pela negociação.

  Na próxima quarta-feira (16), o partido começará oficialmente as negociações eleitorais.

Entre os pontos aprovados pelo Psol que devem servir de base para as negociações com Lula estão a defesa de uma reforma tributária que “diminua a taxação no consumo de bens essenciais e populares e foque na taxação de renda e propriedade, incluindo a criação de impostos dos super-ricos/bilionários”, a defesa de um novo modelo de desenvolvimento da Amazônia e do “desmatamento zero”, além da revogação de teto e mudanças na legislação trabalhista e previdenciária.