ALAGOINHAS E REGIÃO ÀS PRAIAS, UM SONHO QUE SE TORNA REALIDADE – SAIBA TUDO SOBRE O MOVIMENTO POPULAR ACESSO À LINHA VERDE

  O idealizador e Coordenador do maior Movimento Popular da história de Alagoinhas e região, Márcio Gomes, conhecido carinhosamente como  Márcio da Linha Verde, tem acompanhado diuturnamente com muita ansiedade  ao lado de sua esposa e parceira do Movimento, a segunda etapa da construção da estrada no trecho Itanagra/Linha Verde, uma extensão de 20,32 km, … Leia Mais


Alagoinhas é a melhor cidade da Bahia para fazer negócios e está entre as 100 melhores do Brasil, segundo pesquisa publicada na Revista Exame

Alagoinhas está entre as 100 melhores cidades do Brasil para fazer negócios e em primeiro lugar entre os municípios baianos, passando à frente da capital Salvador e de cidades maiores como Feira de Santana. A Prefeitura Municipal comemora o resultado, fruto de um estudo realizado pelo Instituto Urban Systems e publicado na Revista Exame. A … Leia Mais


Ludmilla reivindica mais investimentos para a região durante audiência com secretário de Segurança Pública

A deputada estadual eleita, Ludmilla Fiscina participou de audiência com o secretário de Segurança Pública, Ricardo Mandarino, na tarde de quinta-feira (10), na sede da secretaria em Salvador. Durante a conversa, Ludmilla apresentou as demandas de segurança da região, entregando ofício com solicitações importantes, como a necessidade de mais carros rabecão, médicos legistas e, principalmente, … Leia Mais


*ALTAMIRO LIRA: UM OTIMISTA DA VIDA*

O rádio e a cultura de Alagoinhas (BA) perderam uma das suas  referências com a morte, dia 24, de Altamiro Lira, aos 69 anos. Componente de tradicional família alagoinhense,  Altamiro Lira Gomes  era uma pessoa que pregava o amor e o otimismo, coerente com a data do seu nascimento, 12 de junho de 1953, Dia … Leia Mais




PREFEITURA DE ENTRE RIOS ENTREGA TABLETS PARA AGENTES DE SAÚDE E AGENTES DE COMBATE ÀS ENDEMIAS


A Prefeitura de Entre Rios, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, entregou nesta terça-feira, dia 14 de dezembro, o total de 133 tablets entre Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate às Endemias (ACES). O novo equipamento trará uma nova forma de trabalho, melhorando a oferta dos serviços, levando em tempo real a adequação dos serviços de saúde, deixando a coleta de dados mais segura e verdadeira.

Para o analista de suporte e atendimento, Anderson Reis, que estava acompanhado de Antonio Victor, representantes da empresa Horizon, responsável pelo suporte essa é uma ferramenta de trabalho que vai otimizar e dinamizar o tempo dos profissionais, além de eliminar toda uma quantidade enorme de papeis. “Através de alguns cliques eles terão uma quantidade grande de informações de forma rápida e precisa como quantidade de hipertensos, acamados, por exemplo. Estaremos realizando o treinamento presencial e após estaremos à disposição para o suporte necessário”, acrescenta.

Segundo a secretária de Saúde, Edmara Correia de Matos, hoje foi um passo importante para a nossa saúde. “A entrega dos tablets a esses profissionais que são fundamentais para o bom funcionamento do SUS, pois atuam diretamente com a comunidade, vai otimizar o trabalho dos Agentes, além de garantir mais qualidade no atendimento”, destaca.

Durante a entrega, o prefeito Manoelito Argolo Júnior, parabenizou o trabalho e a dedicação dos agentes e ressaltou o importante passo que a saúde de Entre Rios está dando com essa aquisição”, destacou.

Estiveram presentes também na solenidade o Chefe de Gabinete, Rodrigo Souza; a secretária de Educação, Socorro Aquino; a secretária da Assistência Social, Acácia Vieira; o Procurador do munícipio, Gilson Cerqueira; a Diretora de Planejamento, Yumara Rabelo; as Coordenadoras da Atenção Básica, Nadja Brito, Rita Pimenta e Geisa Moitinho, além das diretoras sindicais, Rosangela Ferreira, Érica Conceição e Jandira dos Santos.


A Associação do Comércio, Indústria e Serviços de Araçás( ACISA ) realiza o I  ENCONTRO DOS EMPREENDEDORES DO MUNICÍPIO DE ARAÇÁS” no dia 19/12/2021 das 9h às 12h no auditório da Prefeitura Municipal de Araçás – BA.


A Associação do Comércio, Indústria e Serviços de Araçás – ACISA convida todos os comerciantes araçaenses para o “I ENCONTRO DOS EMPREENDEDORES DO MUNICÍPIO DE ARAÇÁS” no dia 19/12/2021 das 9h às 12h no auditório da Prefeitura Municipal de Araçás – BA.

Durante o evento teremos a seguinte programação:

• Apresentação da Diretoria da instituição;

• Apresentação de serviços oferecidos pelo SEBRAE e Banco do Nordeste;

• Os serviços a serem oferecidos pela ACISA aos filiados;

• Lançamento do Jornal Informe ACISA;

• Clube de vantagens para os associados;

• Serviço de elaboração de certificação digital;

• Anunciar a campanha de premiação em datas festivas com sorteio de brindes envolvendo os comércios da cidade;

• Aprovar o valor mensal de contribuição dos filiados; e

• Espaço aberto para apresentação de ideias e propostas de cada participante para o desenvolvimento econômico da cidade.

Atenciosamente,

Elam Mendes de Siqueira
Presidente

 


Lançamento do livro Paisagens Interiores, de Décio Torres Cruz, em Alagoinhas


 

No dia 25 de novembro, a partir das 19h, o escritor Décio Torres Cruz estará lançando seu livro de poesia Paisagens interiores no Restaurante Engenho Velho, em Alagoinhas.

O livro convida o leitor a passear por distintos estados da alma em cenários do Brasil e do exterior através de poemas envolventes e instigantes, belas fotos do próprio autor e ilustrações do artista plástico Luiz Ramos. Com bastante engenho, o poeta aborda cenas cotidianas através de temas tão variados como a passagem do tempo, viagens, encontros, desencontros e despedidas, memória, lembranças e esquecimento, música e silêncio, ritos e mitos, amor e paixão, solidão e desejo, a multiplicidade do ser e a busca pelo outro, além de brincar com a tradição literária clássica e contemporânea e com o próprio fazer artístico.

No texto de apresentação do livro, o escritor Aleilton Fonseca, membro da Academia de Letras da Bahia, escreve: “Paisagens interiores reúne uma poesia de tonalidade plástica e musical. Décio Torres Cruz revela-se um poeta consumado, cuja experiência e intimidade com as palavras modelam a sua dicção de forma densa e original. O título demonstra a consciência do autor acerca dos temas e do material que modela e transfigura. A sua memória não é constituída apenas dos fatos, mas também das paisagens que os emolduram como entorno e matéria. Sua poesia é uma entidade que se constitui no mundo das ideias, da linguagem, das formas, das epifanias. Líricos, narrativos ou teóricos, seus poemas não são meras descrições do real, mas sim recriações subjetivas, como traços de uma pintura poética e musical. […] Ao ler/ver/ouvir estes poemas, o leitor terá a sua recompensa: é uma poesia que nos transporta àquelas paisagens interiores que todos recordamos e trazemos de volta ao coração.”

Décio Torres Cruz é escritor, crítico literário, poeta, professor universitário e pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Literatura e Cultura da Ufba. Sob o patrocínio da Fulbright, obteve seu Ph.D. em Literatura Comparada na State University of New York em Buffalo, EUA. Cursou Mestrado em Teoria da Literatura, Especialização em Tradução e Bacharelado em Letras/Língua Estrangeira na Universidade Federal da Bahia. Fez pesquisa pós-doutoral sobre as adaptações de Shakespeare para o cinema na Leeds Metropolitan University, Inglaterra, patrocinado pelo CNPq.

O autor escreveu vários livros teóricos, sendo que dois deles foram publicados em inglês na Inglaterra, Estados Unidos e Holanda e se encontram espalhados em diversas livrarias e bibliotecas dos cinco continentes: The Cinematic Novel and Postmodern Pop Fiction: The Case of Manuel Puig [O romance cinemático e a ficção pop pós-moderna: o caso de Manuel Puig] (John Benjamins, 2019) foi selecionado para fazer parte da série da Fédération Internationale des Langues et Littératures Modernes (FILLM) da Unesco; e Postmodern Metanarratives: Blade Runner and literature in the age of image [Metanarrativas pós-modernas: Blade Runner  e literatura na era da imagem] (Palgrave Macmillan, 2014) é citado em alguns artigos da Wikipedia em inglês e em alemão e foi adotado como leitura básica de um curso de escrita de roteiro no País de Gales. No Brasil, publicou Literatura (pós-colonial) caribenha de língua inglesa (Edufba, 2016) e O pop: literatura, mídia & outras artes (Quarteto/Uneb, 2003; 2013) que são usados em programas de graduação e pós-graduação de algumas universidades.

Além desses, publicou vários livros didáticos de inglês que também foram adotados em diversas universidades brasileiras e como referência para concursos públicos: English Online: Inglês instrumental para informática (Disal, 2013); Idea Factory: 100 Games and Fun Activities for your English Classes (Edufba, 2012; 2013); Inglês para Administração e Economia (Disal, 2007); Inglês para Turismo e Hotelaria (Disal, 2005); e Inglês.com.textos para informática (Disal, 2003).

Publicou, ainda, poemas no jornal The Buffalo News (EUA, 1995) e nas coletâneas A nova poesia brasileira (Shogun, 1985) e Valores literários do Brasil II (Ed. Brasília, 1986), além de contos, traduções e diversos artigos e capítulos de livros em português e em inglês nas áreas de cinema e literatura, estudos culturais, tradução, linguística aplicada e ensino.

O autor está produzindo um livro de contos intitulado Histórias roubadas, com previsão de lançamento para o próximo ano.

Paisagens interiores já está com a tradução para o italiano em andamento e será publicado na Itália pela editora WE.

No site da editora https://www.editorapatua.com.br/produto/255413/paisagens-interiores-de-decio-torres-cruz os interessados poderão ler quatro poemas do livro e também fazerem a sua encomenda. Para quem preferir o livro autografado, basta ir ao Restaurante Engenho Velho, no dia 25 bem como poderá encomendar diretamente do autor através do email [email protected]. Em Salvador, o livro também pode ser encontrado nas livrarias Escariz do Shopping Barra, na livraria LDM na Flipelô ou no Shopping Paseo.

O que estão comentando nas redes sobre o livro:

Sobre o poema “O Outro”, um dos quatro disponíveis na página do autor no site da editora, a Professora Rubelise da Cunha do Instituto de Letras da Universidade Federal do Rio Grande e Coordenadora do Núcleo de Estudos Canadenses escreveu:  “Lindo poema! Décio me transportou a um momento específico que tive em uma estação de trem. Muito impactante mesmo!” Já Vânia Cairo, inspetora escolar e professora de literatura da Fundação Cultural do Estado da Bahia,  comentou: “O título do livro é instigante. Seus poemas me deixaram em estado de graça! Li e reli saboreando cada palavra.” A poeta Simone Bacelar postou o seguinte comentário no Facebook: “Paisagens interiores não é apenas um livro de poesia, é uma declaração de amor ao leitor desse gênero. Há muito tempo não leio um livro tão denso. Que livro, senhoras e senhores! Estou impactada e feliz em ver um livro de poesia com essa qualidade na escrita e na concepção”. E a escritora e crítica literária Gerana Damulakis escreveu: “Terminei o “Prelúdio”. Tenho uma mania de dobrar a pontinha da página onde encontro preciosidades. Pois bem, o livro está com quase todas as páginas com as pontinhas dobradas! E há dois poemas que me fizeram chorar; um deles pediu mais leituras e mais lágrimas.”

 

Ficha Técnica:

Evento: Lançamento de livro

Título: Paisagens interiores

Editora: Patuá

Dia/Hora do lançamento: 25 de novembro, 19h.

Restaurante Engenho Velho, Alagoinhas – BA.


Plano de retomada do Turismo na Bahia é lançado em Alagoinhas


Foto: Roberto Fonseca

Alagoinhas foi palco, nesta quarta-feira (10), do lançamento do plano do Governo do Estado que reinicia o Turismo na Bahia, após um momento de crise sanitária. O Viva Turismo Bahia irá fomentar, por meio de 4 eixos – biossegurança; capacitação e qualificação; infraestrutura; e promoção – a retomada da atividade econômica mais severamente prejudicada durante a pandemia da Covid-19.

O objetivo do plano, voltado para as 13 zonas turísticas mapeadas – Baía de Todos os Santos, Caminhos do Jiquiriçá, Caminhos do Sudoeste, Caminhos do Sertão, Caminhos do Oeste, Costa dos Coqueiros, Costa do Cacau, Costa do Descobrimento, Costa das Baleias, Chapada Diamantina, Lagos do São Francisco e Caminhos do Oeste e Salvador – inclui capacitação dos gestores públicos e da classe empresarial do Trade Turístico.

Foto: Roberto Fonseca

A Zona Caminhos do Sertão, da qual pertence Alagoinhas, inclui Feira de Santana, Canudos, Euclides da Cunha, Itapicuru, Tucano, Cipó, Uauá, Adustina, Irará, Banzaê, Paripiranga e Santo Estevão. Destas, 11 tiveram representação no evento, por meio da presença de secretários e diretores de Turismo e Cultura. Os grandes atrativos dessas cidades são a cultura, a gastronomia, o turismo religioso, o ecoturismo, turismo de saúde, turismo étnico e turismo técnico-científico. Alagoinhas se destaca também como pólo cervejeiro.

Foto: Roberto Fonseca

Compuseram a mesa de abertura do evento, o secretário de Turismo do Estado da Bahia Maurício Bacellar, o Superintendente João Henrique Paolilo, do mesmo órgão, o presidente da Câmara de Turismo Caminhos do Sertão Getúlio Andrade, o presidente da Câmara Municipal de Vereadores José Cleto, além do prefeito Joaquim Neto e da secretária de Cultura, Esporte e Turismo Iraci Gama.

João Paolilo, filho da terra, foi o responsável pela apresentação do Plano Viva Turismo Bahia, elaborado durante a pandemia, “para que pudéssemos mostrar para a sociedade um projeto de retomada das atividades turísticas forte e robusto”. Segundo ele, o intuito da Secult é chegar in loco a todas as zonas turísticas do estado, interiorizando as ações “de forma igualitária e equânime”.

Foto: Roberto Fonseca

O Superintendente disse que, em breve, será feita a entrega de uma cartilha de gestão pública, com informações didáticas de como fazer uma política efetiva de turismo e fomento. Citando o eixo de capacitação, ele informou que 1900 empresários, das 16 câmaras técnicas, serão qualificados, com o apoio do Desenbahia e do SEBRAE. De acordo com Paolilo, um estudo será feito para instalar, em Alagoinhas, um posto de informação turística.

Entre os dias 11 e 16 de novembro, uma equipe técnica do governo do Estado fará um levantamento da oferta hoteleira, no município, com a verificação dos protocolos de biossegurança. Já nos dias 23, 24 e 25 de novembro, serão oferecidos cursos de capacitação. “Queremos estreitar os laços entre equipes municipais e estaduais”.

Foto: Roberto Fonseca

A secretária Iraci Gama comemorou a iniciativa, que “abre  caminhos para que possamos avançar com o turismo”. Em suas palavras, “as pessoas estão desejosas de chegar perto umas das outras e a marca do Nordeste é o afeto, o carinho, a atenção e o cuidado”. A professora Iraci também levantou a questão de como transformar o elemento cultural em um instrumento de venda. “A Cultura preserva o patrimônio e o Turismo vende o patrimônio, revelando algo de valioso que vale a pena ser conhecido de perto”. Na ocasião, ela recebeu das mãos da promotora de eventos Francisca Morais, o Troféu Tô Aqui Profissionais pelo excelente trabalho desenvolvido à frente da SECET.

O presidente da Câmara Municipal de Vereadores, José Cleto, ponderou que a vacinação tem amenizado a situação pandêmica, que “sufocou as pessoas nos seus lares por quase 2 anos”. Para ele, “um lançamento dessa natureza abre muitas expectativas para que o turismo aconteça, trazendo emprego e proporcionando renda”.

Foto: Roberto Fonseca

Já o prefeito Joaquim Neto destacou a flexibilização dos decretos da Covid-19 e citou que Alagoinhas está realizando a repescagem de primeira dose para pessoas com idade acima de 12 anos, incluindo adultos e idosos. “É muito importante para o Turismo que estejamos todos vacinados e estou levando isso muito à sério”.

O chefe do executivo lembrou a mudança de categoria, de Alagoinhas, no mapa do turismo, saindo da posição C para a B. Ele também comentou que, durante o momento crítico da pandemia, os recursos do município foram canalizados para a Saúde: “salvar vidas virou uma obsessão” e disse que “a abertura do Turismo significa o reencontro das pessoas, a realização de eventos, ainda com protocolos de segurança, mas com a perspectiva de liberdade”.

Foto: Roberto Fonseca

O prefeito citou a BA 054 em seu discurso, “que põe Alagoinhas a 60km do mar” e reiterou o projeto de fazer da cidade, a capital da cerveja, “pois o município produz as melhores do mundo!”.

O secretário de Turismo da Bahia Maurício Bacellar agradeceu a maneira hospitaleira como foi acolhido e ressaltou que o Turismo e a Cultura são irmãos siameses, que caminham lado a lado. De acordo com ele, “ a pandemia que se abateu sobre a humanidade foi mais perversa com o turismo, pois a ciência determinou o isolamento social como uma das primeiras ações”. Ele disse que, por orientação do governador Rui Costa, os técnicos da Secult se debruçaram no planejamento de um plano de retomada efetivo, a fim de sanar os danos causados pela Covid-19.

Foto: Roberto Fonseca

“A atividade turística é transversal. Esse plano foi elaborado em conjunto com a Secretaria de Saúde, a do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte e a de Cultura, com a participação das secretarias de Segurança, de Desenvolvimento Econômico e de Infraestrutura”, esclareceu o secretário, que finalizou sua fala dizendo que, conforme uma pesquisa encomendada, a Bahia é o destino turístico mais desejado pelos brasileiros no pós-pandemia. “Dos 20 maiores destinos, 11 estão no Nordeste. Dos 11, 5 são baianos”.

No período da tarde, foi realizado o workshop de Gestão Pública do Turismo, voltado para as prefeituras e gestores públicos da zona Caminhos do Sertão. A atividade ofereceu certificado de extensão pela Universidade Federal da Bahia (UFBA).

 

Fotos: Roberto Fonseca