Palmeiras bate o Flamengo e conquista o tri da Libertadores


Jogo foi decidido no primeiro tempo da prorrogação com o gol do atacante Deyverson (foto)

 Palmeiras bate o Flamengo e conquista o tri da Libertadores

Foto: Divulgação Conmebol

Por: Rodrigo Meneses

Como roteiro de uma grande final de Libertadores, não faltou emoção na vitória por 2 a 1 do Palmeiras diante do Flamengo. O jogo foi decidido na prorrogação com o atacante Deyverson fazendo o gol do terceiro título do Porco na principal competição do futebol sulamericano.

A final em jogo único foi realizada no lendário Estádio Centenário, em Montevidéu, capital do Uruguai, com a presença de cerca de 45 mil torcedores, a maioria deles flamenguistas.

O Palmeiras se mantém no topo da América do Sul pelo segundo ano consecutivo, já que no ano passado conquistou o título diante do Santos. O primeiro título da Libertadores do Porco foi em 1999, quando levantou a taça diante do Deportivo Cali (COL).

O jogo 

O Palmeiras abriu o placar logo aos cinco minutos de jogo, com o meia Raphael Veiga batendo rasteiro depois de receber o passe quase na marca do pênalti.

Com a vantagem, o Palmeiras se fechou e aguardou o Flamengo tomar a iniciativa, para aproveitar os contra-ataques. O primeiro tempo seguiu truncado após o gol do Porco, que não levou muitos sustos na primeira etapa.

Na volta para o segundo tempo, o Flamengo voltou mais ligado pressionando mais e assustou a zaga alvi-verde em algumas oportunidades que a bola rondou a área. Uma delas ocorreu aos 14 minutos com uma cabeçada de Bruno Henrique que passou raspando no pé da trave.

Mas aos, 26 minutos, Gabriel recebeu na diagonal dentro da grande área e bateu forte e rasteiro entre o goleiro Ederson e a trave.
Com o empate, o jogo seguiu para a prorrogação. Logo aos cinco minutos do primeiro tempo do tempo extra, o atacante Deiverson do Palmeiras aproveitou a falha de Andreas Pereira, invadiu a área e bateu rasteiro no canto direito de Renan Alves.

Metro1