Le Biscuit empossa novo presidente após prejuízo de R$ 100 milhões


A rede de lojas de departamentos Le Biscuit anunciou que Eduardo Loges foi eleito o novo diretor-presidente da companhia, substituindo David Lee Wright. A nota divulgada nesta sexta-feira (8), conta que Lee Right renunciou ao cargo e passará a ocupar a posição de membro do conselho de administração.

De acordo com o site Bahia Econômica, a Le Biscuit registrou em 2021 um faturamento de R$ 709 milhões, um aumento de 13% em relação a 2020. Mas, mesmo com o aumento no faturamento, a rede contabilizou um prejuízo de R$ 106,7 milhões, praticamente o dobro do prejuízo registrado em 2020, quando as lojas ficaram fechadas por um longo tempo em razão da pandemia.

Alvaro Santanna Neto, presidente do conselho de administração da Le Biscuit, acredita que a mudança na presidência representa uma evolução na rede de lojas e dá continuidade ao processo de transformação digital que a marca vem realizando nos últimos anos.

“Os acionistas depositam em Eduardo Loges plena confiança no seu trabalho e na sua capacidade de liderar nosso time, o que certamente levará nossa companhia a outro patamar de resultados nessa tão esperada retomada pós pandemia. Importante também agradecer ao David Lee, que finaliza esse ciclo após 12 anos de dedicação, com importantes entregas e que assume agora uma posição no conselho de administração visando continuar apoiando a companhia nos seus principais desafios”, disse.

Presente em 14 estados brasileiros, a Le Biscuit foi fundada há mais de 50 anos em Feira de Santana (BA) por Aristóteles Martins Santanna como um armarinho. Em Salvador, a segunda loja foi inaugurada em 1992, ainda no modelo de pequeno atacadista.