Consórcio lança Plano de Recuperação Verde no Fórum de Inovação em Investimentos na Bioeconomia Amazônica


O Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal vai lançar no dia 25 de junho, o Plano de Recuperação Verde (PRV), durante o Fórum de Inovação em Investimentos na Bioeconomia Amazônica (F2iBAM), que será realizado de forma virtual, entre os dias 14 e 25 de junho.

Resultado da parceria entre a iniciativa Uma Concertação para a Amazônia e o Consórcio – formando pelos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins – o Fórum reúne pesquisadores, especialistas, investidores e representantes da sociedade civil para debater caminhos para a criação de novos mecanismos de financiamento de negócios ligados à bioeconomia da Amazônia.

O governador do Maranhão e presidente do Consórcio, Flávio Dino, fará uma apresentação do PRV, no painel 16, dia 25, que será realizado no horário de Brasília, das 11h às 12h30.

O PRV é um plano de desenvolvimento regional para a Amazônia, por intermédio de uma estratégia de transição para uma economia verde, inspirado nas melhores práticas internacionais e baseado nas especificidades regionais.

O plano foi construído dentro da necessidade de promover mudanças capazes de combater o desmatamento ilegal e reduzir a emissão de CO2, utilizando-se do potencial da floresta em pé para a geração de emprego e renda da população. O mesmo incorpora novas tecnologias para a produção de soluções sustentáveis na floresta.

“É um plano ousado e abrangente, mas realista e necessário aos desafios do Brasil e do mundo deste século. Sabemos que só poderá ser viabilizado com uma visão colaborativa e envolvendo uma coalizão de parceiros nacionais e internacionais, e todos aqueles que reconhecem o papel da Amazônia na prestação de serviços ambientais e ecossistêmicos”, afirma Flávio Dino.

 

A Amazônia Legal brasileira é formada pelos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. De acordo com dados do IBGE, abrange uma área de 5,1 milhões de km² (60% do território nacional), 29,3 milhões de habitantes (14% da população), 808 municípios (14,5% dos municípios), 623 bilhões de PIB (9% do PIB brasileiro). Além de ser um ativo estratégico para o Brasil, a região concentra um dos três maiores acervos ambientais do planeta. Em 2019, por exemplo, mais de 80% do território coberto pela Amazônia Legal correspondia a formações vegetais nativas, sendo as formações florestas as responsáveis pela maior parte dessa área (69,2%).

Entretanto, esse potencial da biodiversidade não se traduz em bons indicadores de desenvolvimento humano à população. Pelo contrário: se comparada ao restante do país, a região amarga baixos índices econômicos e sociais, de empregos formais, infraestrutura, e acesso à serviços básicos.

Da mesma forma, o desmatamento ilegal da Amazônia não melhora em nada a qualidade de vida ou a geração de empregos dessa população. A degradação ambiental aumenta as desigualdades e reduz a capacidade de geração de emprego formal e renda para os amazônidas, além de impor violência e danos sanitários.

Objetivos

E entre os objetivos do PRV para mudar essa realidade, estão zerar o desmatamento ilegal até 2030, combater as desigualdades de renda, raça, gênero e de acesso à serviços e infraestrutura básica, geração de empregos na floresta, áreas rurais e centros urbanos e transição para uma nova economia verde com maior sofisticação tecnológica e potencial exportador.

Lançamento do Plano de Recuperação Verde (PRV)

Dia: 25/06/21

Local: Fórum de Inovação em Investimentos na Bioeconomia Amazônica (evento virtual)

Horário: 11 às 12h30.

Fórum de Inovação em Investimentos na Bioeconomia Amazônica (F2iBAM)

Data: de 14 a 25 de junho

Evento virtual, de segunda a sexta-feira, com um ou dois painéis diários – das 10h às 11h30 e das 15h às 16h30 (horário de Brasília). Tradução simultânea para inglês e espanhol.

Como participar:

As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas a partir do dia XX no site www.bieconomiaamazonica.com.br

 

Sobre:

Consórcio Interestadual da Amazônia Legal

Reúne os nove estados da região em torno de uma agenda comum voltada ao desenvolvimento sustentável da região.

 

Uma Concertação pela Amazônia

É uma rede de pessoas, entidades e empresas formada para buscar soluções para a conservação e o desenvolvimento sustentável da Amazônia. Hoje, reúne mais de 200 lideranças engajadas em criar um espaço democrático onde as dezenas de iniciativas em defesa da Amazônia se encontrem, dialoguem, aumentem o impacto de suas ações e gerem novas ações em prol da floresta e das populações que vivem na região.

 

Plano de Recuperação Verde da Amazônia Legal

A iniciativa tem como principal objetivo implementar uma série de medidas para impulsionar o desenvolvimento socioeconômico da Amazônia brasileira de maneira sustentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *